UAlg acolheu II Encontro de Saúde & Educação numa viagem à Primeira Infância

20/02/2019

UAlg acolheu II Encontro de Saúde & Educação numa viagem à Primeira Infância

A Universidade do Algarve acolheu, passado dia 16 de fevereiro, o II Encontro de Saúde & Educação: Uma viagem à Primeira Infância.  Esta iniciativa, inserida nas comemorações dos 40 anos da Universidade do Algarve,  contou com casa cheia.

O reitor Paulo Águas realçou a importância de eventos como este, “para garantir que as próximas gerações se sintam ainda mais próximas da Universidade”.

Ana Catarina Baptista, professora da Escola Superior de Saúde e membro da Comissão Organizadora, destacou “a forma entusiasta com que todos os palestrantes aceitaram participar nesta viagem à Primeira Infância e a grande adesão dos participantes”.

Na conferência inaugural, Saúl Jorge Lopes, médico pediatra, evidenciou a importância dos primeiros anos de vida da criança e da possibilidade única e irrepetível de, ao mudar o início da história, poder mudar a história toda”.

Esta viagem contou ainda com a apresentação de duas obras: Brincar em todo o lado, de Carlos Neto, e O desenvolvimento da autonomia dos 0-3 anos, de Paula Serrano.

Houve ainda espaço para uma exposição fotográfica sobre o olhar ocupacional de Cira de Luque, através da apresentação de uma colheita visual e um convite à reflexão em "A arte de facilitar o desenvolvimento da motricidade fina dos 0-3 anos". Com esta exposição pretende-se contribuir para uma tomada de consciência da necessidade de "despertar a curiosidade e encontrar formas inovadoras de nutrir o desenvolvimento da motricidade fina nas rotinas do dia-a-dia, neste tempos modernos, cheios de prioridades conflituosas e de agendas insanas".

O Encontro terminou com a comunicação de Carlos Neto, professor da Faculdade de Motricidade Humana. Com uma comunicação assertiva e provocadora apontou para a necessidade vital de aprender a mover o corpo na infância. Na sua introdução, Carlos Neto começou por dizer que “nada é tão importante como começar pela Primeira Infância porque tudo começa aqui”. Carlos Neto alertou ainda para o facto de “se não prepararmos estes cidadãos, que são nascidos digitais e que agora estão nas nossas mãos, e não lhes prepararmos para um futuro incerto, estaremos a cometer um dos maiores erros da Humanidade”. Na sua opinião, “nunca a sociedade mudou tão depressa, a uma velocidade tão vertiginosa”, por isso, “estas crianças que estão agora nas nossas mãos, vêm com outro cérebro, preparados de outra maneira e nós temos que mudar metodologias, procedimentos, formas de estar, formas de ação e acima de tudo, de adotarmos uma visão ecológica de olhar para essa criança."

O III Encontro de Saúde & Educação já está marcado para dia 15 de fevereiro de 2020.

Share Partilhar